Sequelas cardíacas após a Covid

Você já se recuperou da infecção, mas está com medo das sequelas cardíacas após a Covid?

Seu medo é o medo de muitas pessoas, ainda mais aquelas que se enquadram em fatores de risco ou que apresentam problemas cardíacos.

Sensível a essa situação, preparei este artigo para você poder entender como a Covid pode causar danos no coração e quais as sequelas que pode causar neste órgão vital para o ser humano.

Portanto, leia até o final para você poder ficar mais orientado. Boa leitura!

Sequelas cardíacas após a Covid

Desde o início da pandemia até hoje, o assunto é destaque principal nos meios de informações e na boca do povo.

Afinal, todo mundo assiste, a uma velocidade drástica, o número de óbitos aumentando a cada dia mais.

No começo, achava-se que a infecção ataca apenas os pulmões. No entanto, o avanço da doença mostrou o poder devastador da Covid ao atacar todos os órgãos do corpo humano.

Dentre os órgãos, o que mais é afetado é o coração, o que acaba gerando muito medo na população.

E é preciso entender porque este órgão é tão afetado pela Covid. De acordo com estudos realizados pela comunidade científica, há 2 possibilidades que podem fazer com que o coronavírus cause sequelas cardíacas.

Primeira possibilidade

A primeira possibilidade pode estar relacionada ao medo dos pacientes cardiopatas em acessar ambientes hospitalares, onde muitas pessoas estão com a Covid, e contrair a infecção. 

Desse modo, as complicações cardíacas não são tratadas logo no começo, o que acaba desencadeando em agravamento da situação, ou, até mesmo, óbito.

Segunda possibilidade

A segunda possibilidade é que a Covid-19 é uma infecção que potencializa o risco, quando acomete pacientes com problemas cardíacos.

Assim, o coronavírus conseguiria acelerar e agravar os problemas cardíacos.

Porém, é importante lembrar que as possibilidades mostradas aqui fazem parte de estudos que estão em andamento, de forma que são apenas demonstrações iniciais dos resultados.

Ao se debruçar sobre a segunda possibilidade, os pesquisadores puderam identificar 3 hipóteses para explicar as sequelas cardíacas após a Covid.

A primeira explicação é a de que o Sars-Cov 2 utiliza uma enzima que converte a angiotensina 2 (ECA2) para que entre nas células.

A ECA2 é uma enzima bem atuante nos pulmões, no coração e nos vasos sanguíneos, o que acaba justificando as complicações cardíacas.

Como a quantidade de ECA2 é maior nos pacientes cardíacos e hipertensos, o risco de sequelas cardíacas acaba sendo maior.

A segunda explicação mostra que nosso sistema de defesa reage de maneira exagerada contra a Covid, de modo que libera uma alta carga inflamatória.

Essa tempestade inflamatória pode ser a causadora dos danos aos vasos e ao coração.

Uma terceira explicação mostra que a infecção, quando mais grave, pode causar isquemia miocárdica, já que o coração é forçado a trabalhar com mais intensidade, causando danos ao órgão.

E quais as sequelas cardíacas que os pacientes podem ficar após a Covid? As principais são:

  • Arritmia;
  • Miocardite (inflamação do músculo cardíaco);
  • Insuficiência cardíaca;
  • Taquicardia;

Os sintomas podem ser os mais variados, como:

  • Cansaço;
  • Falta de ar;
  • Palpitações;
  • Dor no peito;
  • Dores de cabeça, etc. 

Portanto, é importante que você fique atento às sequelas cardíacas, mesmo após se recuperar da Covid.

Há diversos relatos de pessoas que nunca tiveram problemas cardíacos, mas que desenvolveram complicações cardiovasculares após se recuperarem da Covid.

Portanto, diante dos primeiros sintomas, é extremamente importante que busque orientação médica imediatamente.

E se você continua com dúvidas sobre as sequelas cardíacas após a Covid, deixe seu comentário que terei o maior prazer em responder.

Deixe uma resposta