Search
Close this search box.

ATAQUE CARDÍACO NO SEXO É PERIGOSO?

ATAQUE CARDÍACO NO SEXO

E-Book Dieta DASH (Grátis)

Baixe agora mesmo seu exemplar do nosso E-Book Dieta DASH e tenha no seu celular, tablet ou computador um dos maiores guias de saúde para o coração do Brasil!

Se você parou de ter relações sexuais com medo de infartar, você precisa saber disso É muito comum, com o passar dos anos, quem já tem seus 50, 60 anos ter um certo receio em ter relações sexuais com medo de sofrer um ataque cardíaco no sexo. Até pessoas jovens podem ter esse medo.

Mas será mesmo que fazer sexo aumenta a chance de ter um ataque cardíaco? Fica comigo até o final que vou responder essa pergunta

Olá pessoal, meu nome é Diogo Kalil, sou médico cardiologista e minha missão é te ajudar a ter uma saúde do coração melhor, se você tem ou já teve o medo de infartar enquanto tinha relações amorosas fica comigo até o final desse vídeo que eu vou te revelar a verdade sobre isso.

Se você gostou da ideia, já deixa o seu like e se inscreve no canal porque toda semana tem vídeo novo com dicas para cuidar do seu coração. Mas afinal de contas, o que é um ataque cardíaco?

Um ataque cardíaco, também conhecido como infarto do miocárdio, é uma condição médica séria que ocorre quando o fluxo sanguíneo para uma parte do músculo do coração é interrompido ou reduzido significativamente, essa parte é conhecida como miocárdio.

Isso geralmente ocorre devido a um bloqueio em uma ou mais das artérias coronárias, que são responsáveis por fornecer sangue rico em oxigênio ao coração.

E sem oxigênio suficiente as células musculares do coração começam a morrer.

O que você precisa saber sobre o ataque cardíaco?

Os ataques cardíacos são uma das principais causas de morte em todo o mundo, afetando tanto homens quanto mulheres.

Entretanto, historicamente os homens têm sido considerados mais propensos a sofrer ataques cardíacos do que as mulheres. Por outro lado, após a menopausa, o risco de ataque cardíaco nas mulheres aumenta, aproximando-se do risco dos homens.

Isso sugere que os hormônios sexuais, como os estrogênios, podem desempenhar um papel na proteção cardiovascular das mulheres antes da menopausa.

Além disso, os ataques cardíacos em homens tendem a ocorrer enquanto se encontram na faixa dos 40 a 60 anos, enquanto nas mulheres, os ataques cardíacos tendem a ocorrer de maneira mais tardia, geralmente após a menopausa.

Os homens tendem a demonstrar mais sintomas clássicos, enquanto as mulheres apresentam sintomas mais atípicos, o que é um desafio para o médico diagnosticar com precisão

Por esse motivo as mulheres têm uma taxa de mortalidade mais alta após um ataque cardíaco do que os homens, em grande parte por ter um diagnóstico tardio

E você precisa ficar atento aos fatores de risco que podem afetar homens e mulheres de maneira diferente, como por exemplo, o diabetes, que aumenta o risco de ataque cardíaco de forma mais significativa em mulheres do que em homens.

Além disso, a hipertensão arterial pode ser um fator de risco mais forte para mulheres.

Com isso em mente, é extremamente importante que você passe por uma avaliação médica para fazer um diagnóstico da sua situação atual e tomar os cuidados necessários na hora do sexo.

Inclusive, caso queira agendar uma consulta comigo, vou deixar o contato do meu consultório na descrição para você fazer o agendamento, que pode ser presencial ou online

Ataque cardíaco no sexo é perigoso?

Agora que você já tem um panorama geral do que é um ataque cardíaco e como ele acomete tanto homens, como mulheres, chegou a hora de responder a dúvida cruel que vem impedindo milhares de brasileiros de ter relações sexuais.

“Afinal de contas, fazer sexo causa ataque cardíaco? Você pode infartar?” E a resposta dessa pergunta é Depende!

Eu sei que você não queria ouvir essa resposta, mas existem dois cenários, um que você pode fazer relações normalmente e um que você deve evitar, e é isso que vou falar agora.

Se esse conteúdo está te ajudando de alguma forma, deixa o seu like, pra eu saber que você está gostando e continuar trazendo novos videos pra você.

A prática de relações sexuais de maneira geral não aumenta as chances de você sofrer um ataque cardíaco, desde que você seja totalmente saudável.

Para a maioria das pessoas, o sexo é considerado seguro e até benéfico para a saúde cardiovascular, desde que não haja condições médicas graves.

No entanto, é importante notar que, em algumas situações específicas, o sexo pode apresentar riscos ligeiramente aumentados para certos grupos de pessoas, como por exemplo, aquelas que já têm problemas cardíacos conhecidos ou fatores de risco elevados, como pressão arterial elevada não controlada.

Além disso, se alguém estiver enfrentando uma condição médica aguda, como uma infecção grave, febre alta ou outras complicações de saúde, é aconselhável evitar fazer sexo ou praticar atividades intensas.

Então doutor, se eu tiver qualquer problema cardíaco, pressão alta eu não posso fazer sexo nunca mais?

Não, você não só pode, como deve fazer, desde que a sua situação esteja controlada e estável, inclusive, no final desse vídeo vou falar alguns cuidados que você deve ter caso você seja hipertenso e deseja ter relações sexuais seguras.

De qualquer forma, se você estiver inseguro quanto a isso, o ideal é fazer uma consulta médica para ter mais segurança e evitar qualquer contratempo.

Lembrando que manter um estilo de vida ativo, com uma boa dieta, um bom sono entre outros fatores é fundamental para controlar os fatores de risco de um ataque cardíaco, inclusive, vou deixar um vídeo para você descobrir os 9 alimentos para prevenir infarto e doenças do coração no card acima, clica lá pois você vai ver que vai te ajudar.

Quais cuidados um hipertenso deve ter na hora do sexo?

Eu vou listar agora, os 5 principais cuidados que você deve tomar na hora de fazer sexo para evitar sofrer com um ataque cardíaco.

O primeiro é manter a sua medicação controlada em dias, é muito comum algumas pessoas verem melhorias na pressão e parar de tomar os remédios sem consultar o médico especialista antes, então não cometa esse erro.

A segunda dica é respeitar o limite do seu corpo, não faça esforços exagerados, nem passe do limite, se você entender que está muito intenso, estiver muito ofegante, o recomendado é se controlar, dar uma pausa e depois retomar.

A terceira dica está alinhada com a segunda que é escolher posições confortáveis, a ideia é não se esforçar, visto que algumas posições sexuais podem exigir mais esforço físico do que outras.

Por isso opte por posições que sejam confortáveis e não causem desconforto ou tensão excessiva.

A quarta dica é se manter hidratado, pois é muito importante para a saúde cardiovascular em geral. Certifique-se de beber água suficiente antes, durante e após a atividade sexual.

Evite álcool, pois o consumo excessivo de álcool pode afetar a pressão arterial e a função cardiovascular, então é inteligente da sua parte evitar consumir bebidas alcoólicas antes de ter relações, para evitar que a sua pressão suba mais do que deveria.

Agora comenta aqui embaixo como o conteúdo de hoje te ajudou e clica aqui ao lado para descobrir os 9 alimentos para prevenir infarto e doenças do coração.

Te vejo no próximo vídeo, grande abraço, até mais!

Perfil do Dr. Diogo Kalil no Linkedin: https://www.linkedin.com/in/diogo-kalil/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Precisa de Ajuda?

Marque sua consulta!

Fale no WhatsApp

Matérias relacionadas

Rotina Saudável
Qualidade de vida
Como Estabelecer uma Rotina Saudável

Pronto para transformar sua vida com uma rotina saudável? Neste post, vamos desvendar as melhores dicas para você começar. Descubra como estabelecer hábitos que te